##issue.vol## 16, ##issue.no## 1 (2013)

DOI: http://dx.doi.org/10.18224/educ.v16i1


##issue.coverPage.altText##
Raul Carlos BRIQUET (1887 - 1953)
Tendo sido um dos signatários do Manifesto dos Pioneiros da Escola Nova, (1932), Raul Carlos Briquet é o educador homenageado na capa desta edição da revista Educativa.
Nasceu em Limeira - São Paulo. Médico e professor, foi um dos pioneiros do ensino da Psicologia Social no Brasil. Formado pela Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro, dedicou-se à Ginecologia e Obstetrícia. Acumulou uma vasta experiência clínica nessa especialidade e, por essa razão, foi nomeado para o exercício do magistério nessa disciplina na Universidade de São Paulo, após a sua fundação em 1934.
O início de sua carreira foi também marcado pela motivação por estudos de Psicologia. Em 1910, escreveu a tese Da psychophysiologia e patologia musicaes, com a qual obteve sua titulação em Medicina. Nessa obra, editada em 1912 sob a forma de brochura, revelou estar familiarizado com teorias da época sobre a psicofisiologia musical e fenômenos normais e patológicos da dismusia e audição cromatizada. Nas últimas páginas de sua tese, na seção intitulada "Proposições", sugeriu aplicações terapêuticas da música, antecipando-se, portanto, ao desenvolvimento da musicoterapia no País.
Os interesses de Raul Briquet abrangeram outras áreas do conhecimento e de atuação profissional, além da Medicina e da Psicologia. Praticou a Medicina até o final da vida, mas, como nunca descurou de sua formação humanística, reuniu condições intelectuais indispensáveis ao magistério superior na famosa Escola Livre de Sociologia e Política de São Paulo, lecionando nessa instituição disciplinas de Sociologia, Psicologia e Educação.
Raul Briquet foi membro de diversas instituições científicas, dentre as quais o Colégio Brasileiro de Cirurgiões, a Associação Paulista de Medicina, a Sociedade Paulista de História da Medicina, Sociedade Paulista de Filosofia e Letras, a Sociedade de Obstétricos e Ginecólogos (Buenos Aires), a Sociedade Ginecológica (Montevidéo) e a Academia Paulista de Letras. Faleceu em São Paulo - SP.
Fonte: CAMPOS, Regina Helena de Freitas (org.). Dicionário biográfico da Psicologia no Brasil: Pioneiros. Rio de Janeiro: Imago Editora, 2001.