???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucgoias.edu.br:8080/handle/tede/2334
Tipo do documento: Dissertação
Título: ANÁLISE DO POLIMORFISMO GENÉTICO DO CÓDON 72 DO GENE P53 EM PACIENTES COM CARCINOMA ESCAMOSO DE BASE DA LÍNGUA
Autor: Borges Filho, Francisco Pereira 
Primeiro orientador: Cruz, Aparecido Divino da
Resumo: INTRODUÇÃO: O polimorfismo no códon 72, prolina (p53P) ou arginina (p53R) está envolvido na habilidade da p53 em interagir com as proteínas celulares. Vários autores têm demonstrado que a presença do genótipo p53RR confere maior risco de desenvolvimento de tumores. OBJETIVO: Avaliar a freqüência alélica do polimorfismo genético no códon 72 do gene p53 em amostras obtidas de pacientes diagnosticados com Carcinoma Escamoso de Base de Língua atendidos no Hospital Araújo Jorge, da Associação de Combate ao Câncer em Goiás (ACCG), entre os anos de 1999 e 2006. Avaliar a predisposição genética do câncer de base da língua relacionada ao polimorfismo de TP53, através da identificação da presença ou não dos alelos p53R e/ou p53P nos pacientes com esta patologia. MATERIAIS E METODOS: O presente estudo é do tipo caso-controle de caráter retrospectivo, foi realizado no Núcleo de Pesquisas Replicon da Universidade Católica de Goiás em conjunto com o Hospital Araújo Jorge. Foram avaliados 54 pacientes com carcinoma escamoso de base da língua e em 186 indivíduos sem câncer. Estes foram pareados quanto ao sexo, idade e no grupo caso, foram avaliados o estádio clínico e hábitos de etilismo e tabagismo. A genotipagem dos alelos p53R e p53P foi determinada por PCR, utilizando-se primers específicos. RESULTADOS: As freqüências alélicas para p53R nos casos e controles foram de 75,9% e 74,2%, enquanto que de p53P foram de 24,1% e 25,8%, respectivamente. Não houve diferença estatisticamente significativa (p = 0,79) nas freqüências alélicas entre os dois grupos analisados, sugerindo que o polimorfismo do códon 72 de TP53 não seja um fator de risco de susceptibilidade ao carcinoma escamoso de base da língua. CONCLUSÃO: Não foi observada associação entre a variante p53R e o desenvolvimento da carcinogênese de CCO de base da língua, segundo o sexo, idade e etnia.
Abstract: INTRODUCTION: The polymorphism at codon 72, proline (p53P) or arginine (p53R) is involved in the ability of p53 to interact with cellular proteins. Several authors have shown that the presence of genotype p53RR confers greater risk of developing tumors. OBJETIVE: To assess the allelic frequency of genetic polymorphism in codon 72 in TP53 gene in samples obtained from patients diagnosed with squamous carcinoma of base of the tongue treated at the Hospital Araújo Jorge and Associação de Combate ao Câncer em Goiás (ACCG)between 1990 and 2006. Evaluate the genetic predisposition for Base of Tongue Cancer linked of TP53 polimorphism, by identififyin of the presence or absence of the alleles p53R and/or p53P alleles in patients with this pathology. MATERIALS AND METHODS: This study is a casecontrol retrospective in nature, was conducted at Núcleo de Pesquisas Replicon of the Universidade Católica de Goiás in conjunction with the Hospital Araújo Jorge. We evaluated 54 patients with squamous carcinoma of the base of the tongue and 186 individuals without cancer. These were matched regarding gender, age, and the group of cases was evaluated clinical stage and smoking, alcohol consumption. The genotypes p53R and p53P were determined by PCR, using specific primers. RESULTS: The allele frequencies for p53R in cases and controls were 75.9% and 74.2%, while the p53P were 24.1% and 25.8% respectively. There was no statistically significant difference (p = 0.79) in allele frequencies between the two groups, suggesting that the polymorphism of codon 72 of TP53 is not a risk factor for susceptibility to squamous cell carcinoma of the tongue base. CONCLUSION: The study does not find relationship between p53R and CCO carcinogenesis when compared sex, age and color.
Palavras-chave: CEC
TP53
Arginina
Prolina
Câncer de Base da Língua
CEC
TP53
arginine
proline
Base of Tongue Cancer
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::GENETICA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de Goiás
Sigla da instituição: PUC Goiás
Departamento: Ciências Humanas
Programa: Genética
Citação: BORGES FILHO, Francisco Pereira. ANÁLISE DO POLIMORFISMO GENÉTICO DO CÓDON 72 DO GENE P53 EM PACIENTES COM CARCINOMA ESCAMOSO DE BASE DA LÍNGUA. 2009. 50 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Pontifícia Universidade Católica de Goiás, Goiânia, 2009.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/2334
Data de defesa: 5-May-2009
Appears in Collections:Mestrado em Genética

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Francisco Pereira Borges Filho.pdf369,13 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.