???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucgoias.edu.br:8080/handle/tede/2408
Tipo do documento: Dissertação
Título: Mutações Germinativas na Prole de Pessoas Expostas Ocupacionalmente à Radiação Ionizante de Césio-137.
Autor: Silva, Juliana Ferreira da 
Primeiro orientador: Cruz, Aparecido Divino da
Primeiro membro da banca: Silva, Cláudio Carlos da
Segundo membro da banca: Vieira, Thaís Cidália
Resumo: O acidente radiológico de Goiânia em 1987, resultou em um grave episódio de contaminação humana, animal, vegetal e ambiental foram expostos ao cloreto de césio-137 (137CsCl), que ocasionou contaminação e exposição acidental e ocupacional à radiação ionizante. A radiação ionizante é um dos componentes ambientais que mais causam estresse celular em organismos complexos, pois a exposição celular à radiação ionizante induz nos ácidos nucléicos, principalmente no DNA, quebras de fita dupla, quebra de fita simples, danos às bases e às ligações cruzadas com as proteínas. A análise cromossômica em microarranjo é uma ferramenta importante para a detecção de microdeleções e microduplicações de um amplo espectro do genoma. No presente estudo, propomos analisar o efeito da exposição àRI sobre a formação de CNVs em uma população humana exposta ocupacionalmente à radiação ionizante de Césio-137 durante o acidente em Goiânia. O grupo exposto foi constituído por 07 famílias, dos quais pelo menos um dos progenitores foi exposto ocupacionalmente à radiação ionizante de Césio-137, incluindo um total de 25 indivíduos. Foi utilizado um grupo com 11 famílias de indivíduos não expostos à RI foram usadas como controle, incluindo um total de 33 indivíduos sem histórico de exposição à RI. A genotipagem em microarranjo foi conduzida no sistema CytoScan HD (Affymetrix®), sem seguida as análises foi realizadas no software ChAS®. Os testes estatísticos utilizados foram: Shapiro-Wilk, Mann-Whitney U, correlação de Spearman, análise da função discriminante, teste binomial, teste &#967;2. Todas as análises foram realizadas utilizando o pacote estatístico SPSS® 21.0, com nível de significância de 5% (p<0,05).As frequências de CNVs foram estimadas por perdas-geração, ganho-geração e burden-geração, representando 3,9x10-5, 6,8x10-6, e 4,6x10-5, respectivamente, para o grupo exposto. Para o grupo controle, as frequências foram 2,1x10-5, 5,9x10-6 e 3,1x10-5, respectivamente. Assim, as frequências de CNVs mostraram diferenças estatisticamente significativas entre os grupos expostos e controle pelo teste de Mann-Whitney U. Sendo assim, nossos dados mostraram que CNVs são induzidas por exposição de RI em uma população humana, enquanto as perdas foram mais frequentes do que os ganhos dentro do grupo exposto. Além disso, a progênie de uma população ocupacionalmente expostas à RI mostrou ~ 1.15x mais CNVs de novo que os controles. Portanto, com o presente estudo foi possível validar o uso de uma metodologia de alta resolução para descrever uma assinatura de exposição mutagênica por RI, legitimando assim, o uso de CNVs como biomarcador útil para avaliar mutação germinativa de militares expostos ocupacionalmente a RI.Além de validar o uso deste marcador, o estudo também foi pioneiro na investigação de mutação germinativa em humanos expostos à RI.
Abstract: The radiological accident in Goiania in 1987, resulted in a serious episode of human contamination, animal, plant and environmental were exposed to cesium-137 chloride (137CsCl) that caused contamination and accidental and occupational exposure to ionizing radiation. Ionizing radiation is one of the environmental components that causes most cellular stress in complex organisms. Exposure to ionizing radiation induces breaks in nucleic acids, especially, DNA double and single strand breaks. Chromosomal microarray analysis is an important tool for the detection and microdeletion and microduplications in the genomes. In this study we proposed to analyze the effect of exposure to RI on the formation of CNVs in an exposed human population occupationally to ionizing radiation from Cesium-137 during the accident in Goiania. The exposed group consisted of 07 families, of which at least one parent was occupationally exposed to ionizing radiation from Cesium-137, including a total of 25 individuals, do not know the absorbed dose of the military who were occupationally exposed to ionizing radiation. 11 families with a group of individuals not exposed to IR was used as control were used including a total of 33 individuals with no history of exposure to RI. The genotyping microarray was conducted in CytoScan HD system (Affymetrix®) without then analyzes was performed in ChAS® software. The statistical tests used were: Shapiro-Wilk, Mann- Whitney U, Spearman correlation, discriminant function analysis, binomial test, &#967;2 test. All analyzes were performed using the statistical package SPSS 21.0, with a significance level of 5% (p <0.05). The frequency of CNVs were estimated loss - generation, gain - generation and burden - generation, representing 3,9x10-5, 6,8x10- 6 and 4,6x10-5 respectively for the exposed group. For the control group, the frequencies were 2,1x10-5, 5,9x10-6 and 3,1x10-5 respectively. Thus, the frequency of CNVs showed statistically significant differences between exposed and control groups using the Mann-Whitney U test. Thus, our data showed that CNVs are induced by IR exposure in a human population, while the losses were more frequent the gains in the exposed group. In addition, progeny from a population occupationally exposed to IR ~ 1.15x showed CNV more new than healthy controls. Therefore, with the present study was possible to validate the use of a high resolution method to describe a mutagenic exposure by IR signature, thus legitimized the use of CNVs as a useful biomarker to assess germline mutation military occupationally exposed to RI. In addition to validating the use of this marker, the study also pioneered research germline mutation in humans exposed to RI.
Palavras-chave: CNVs
exposição ocupacional
microarranjos
microdeleções
microduplicações
CNVs
occupational exposure
microarrays
microdeletions
microduplications
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::GENETICA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de Goiás
Sigla da instituição: PUC Goiás
Departamento: Ciências Humanas
Programa: Genética
Citação: SILVA, Juliana Ferreira da. Mutações Germinativas na Prole de Pessoas Expostas Ocupacionalmente à Radiação Ionizante de Césio-137.. 2016. 112 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Pontifícia Universidade Católica de Goiás, GOIÂNIA, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/2408
Data de defesa: 15-Mar-2016
Appears in Collections:Mestrado em Genética

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Juliana Ferreira da Silva.pdf5,5 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.