???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucgoias.edu.br:8080/handle/tede/3087
Tipo do documento: Dissertação
Título: FONTES DE ESTRESSE OCUPACIONAL, COPING E RESILIÊNCIA EM PSICÓLOGAS CLÍNICAS NO AMBIENTE DE CONSULTÓRIO.
Autor: Roncato, Luciana 
Primeiro orientador: Vandenberghe, Luc Marcel Adhemar
Primeiro coorientador: Pfrimer, Irmtraut Araci Hoffmann
Resumo: Vários estudos têm demonstrado a importante relação entre estresse ocupacional e saúde. O presente estudo examina a adaptação de psicólogas - psicoterapeutas às características particulares do consultório como ambiente de trabalho. Participaram desta pesquisa 20 psicólogas. Foi aplicado o Inventário de Sintomas de Stress de Lipp e foram realizadas entrevistas semi-estruturadas questionando aspectos estressantes do ambiente de trabalho e efeitos percebidos sobre a saúde dessas profissionais. São examinados também seus esforços para lidar com demandas específicas do mesmo ambiente e os recursos que as auxiliam a superar as vivências adversas próprias do trabalho em consultório. Os resultados mostraram que 15 participantes não apresentavam sinais de estresse e 5 se encontraram na fase de resistência. As psicólogas estressadas não relataram fontes de estresse diferentes das psicólogas sem estresse, porém as não estressadas apresentaram uma maior variedade de repertórios de coping e fatores de resiliência. Divertir-se e praticar atividade física para recarregar foram os repertórios mais mencionados pelas profissionais sem estresse. Quanto aos fatores de resiliência destacou-se o cultivo da família e o cultivo de bons relacionamentos . Concluiu-se que a variedade de estratégias de coping e de fatores de resiliência estão inversamente proporcionais ao estresse ocupacional.
Abstract: Previous research demonstrated the effect of labor stress on health. The present study examines the adaptation of psychologists - psychotherapists to particular characteristics of the practice office as a work environment. Twenty female psychologists participated in the project. Lipp's Symptoms of Stress Inventory was applied. Semi-structured interviews were used to identify stressful aspects of the work environment and perceived effects on health and quality of life, as well as their efforts to deal with specific demands of this environment and the resources that help them overcome the adverse experiences of work in the therapy room. The results show that 15 participants did not show symptoms of stress and 5 were in the phase of resistance. The stressed psychologists did not report different sources of stress than the non-stressed psychologists, but the nonstressed psychologists showed a greater variety of coping repertoires and of resilience factors. "Enjoying oneself" and "Practicing physical activity to recharge" were the most typically mentioned strategies among the non-stressed professionals. Their typical resiliency factors included "cultivating the family" and "cultivating good relationships". It can be concluded that the variety of coping strategies and resilience factors were inversely related to labor stress.
Palavras-chave: Estresse ocupacional
burnout
coping
resiliência
Stress occupational
burnout
coping e resilience
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de Goiás
Sigla da instituição: PUC Goiás
Departamento: Ciências da Saúde
Programa: Ciências Ambientais e Saúde
Citação: RONCATO, Luciana. FONTES DE ESTRESSE OCUPACIONAL, COPING E RESILIÊNCIA EM PSICÓLOGAS CLÍNICAS NO AMBIENTE DE CONSULTÓRIO.. 2008. 75 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Pontifícia Universidade Católica de Goiás, GOIÂNIA, 2008.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/3087
Data de defesa: 14-Dec-2008
Appears in Collections:Mestrado em Ciências Ambientais e Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Lucina Roncato.pdf406,04 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.