???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucgoias.edu.br:8080/handle/tede/3217
Tipo do documento: Dissertação
Título: MOSAICOS DE CULTURAS DE LEITURA E DESAFIOS DA TRADUÇÃO NA LITERATURA INFANTIL.
Autor: Wind, Tonia Leigh 
Primeiro orientador: Pinto, Divino José
Primeiro membro da banca: Silva, Débora Cristina Santos e
Segundo membro da banca: Oliveira, éris Antônio
Terceiro membro da banca: Lima, Maria de Fatima Gonçalves
Resumo: O objetivo principal desta pesquisa é analisar o segmento denominado literatura infantil sob a perspectiva das tradições culturais decorrentes da prática de leitura no Brasil e nos EUA; da influência desta espécie literária no processo de formação do indivíduo, e dos percalços linguísticos enfrentados na tradução de livros estrangeiros para o mercado nacional. Para tanto, far-se-á uma apresentação do contexto histórico-cultural da espécie literária, de suas raízes nos contos orais indo-europeus até chegar ao que se considera a nascença da literatura infantil brasileira no Século XX. Como complemento ao estudo cultural, avaliar-se-á obras canônicas e textos doutrinários usando como suporte teórico da narrativa e da literatura em geral: Gaston Bachelard, Peter Hunt, Ana Maria Machado, Terry Eagleton, Nelly Novaes Coelho, Regina Zilberman, Marisa Lajolo, entre outros. Um enfoque especial será dado ao conceito norte-americano e brasileiro de cultura de leitura e mediadores de leitura para comparar o processo de formação do indivíduo em ambos os países. Como parte desta abordagem, será mostrada uma análise dos conceitos de multiculturalismo e pluriculturalismo as quais serão apresentadas para apontar sua importância e influência no leitor dentro da sociedade. O último capítulo da pesquisa dar-se-á sobre o tema tradução e suas implicações linguístico-culturais enfrentados pelo tradutor literário, assim como a migração do hábito de leitura dentro das salas de aulas de L2 para fomentar a aquisição de uma segunda língua. Analisar-se-á aspectos do texto original que se perdem numa adaptação ou tradução dando uma ênfase especial aos conceitos de domesticação e estrangeirização para melhor atender às necessidades do leitor final usando como suporte as teorias tradutórias de George Steiner, Lawrence Venuti, Eugene Nida, Jeremy Munday, John Milton, Mona Baker, Zohar Shavit, Susan Bassnett, Riitta Oittinen, entre outros. Como base de análise literária, o corpus desta pesquisa será composto de alguns exemplos de cânones, focando especificamente dois livros norte-americanos e suas traduções brasileiras: Where the Wild Things Are (Onde Vivem os Monstros) de Maurice Sendak e Mr. Peabody´s Apples (As Maçãs do Sr. Peabody) da Madonna.
Palavras-chave: Tradução
Formação Sociocultural
Crítica de linguagem
Multiculturalismo
Literatura Infanto-Juvenil
Teoria da Estética da Recepção
Literatura em L2 na Aquisição de Segunda Língua (L2)
Translation
Socio-Cultural Formation
Language Criticism
Multiculturalism
Children and Youth Literature
Reader-Response Theory
L2 Literature in Second-Language Acquisition (SLA)
Área(s) do CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de Goiás
Sigla da instituição: PUC Goiás
Departamento: Ciências Humanas
Programa: Literatura e Crítica Literária
Citação: WIND, Tonia Leigh. MOSAICOS DE CULTURAS DE LEITURA E DESAFIOS DA TRADUÇÃO NA LITERATURA INFANTIL.. 2011. 162 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Pontifícia Universidade Católica de Goiás, G, 2011.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/3217
Data de defesa: 20-Dec-2011
Appears in Collections:Mestrado em Letras

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tonia Leigh Wind.pdf1,16 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.