???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucgoias.edu.br:8080/handle/tede/3219
Tipo do documento: Dissertação
Título: PENÉLOPE E EMMA VOANDO NO TEMPO.
Autor: Pimenta, Allyne Alves Marques 
Primeiro orientador: Pinto, Divino José
Primeiro membro da banca: Cunha, Betina Ribeiro Rodrigues da
Segundo membro da banca: Machado, Lacy Guaraciaba
Resumo: Este trabalho tem como objetivo central desenvolver um estudo da evolução do ser feminino, de sua voz, de sua sexualidade, dos meneios e preceitos que compõem sua identidade, ocupando-se da rica trajetória das personagens Penélope e Emma Bovary, analisando as dimensões da heroína que tem em Penélope o seu protótipo inicial e Ema Bovary como sua negação frontal, passando por Lisístrata, como elemento de ruptura e desestabilização tal como vários arquétipos femininos da literatura ocidental ao longo dos tempos culminado no estudo de personagens contemporâneas. A análise se estenderá ao estudo do papel feminino nas sociedades em que estão inseridas as heroínas aqui estudadas, em comunhão com a teoria que a arte é a representação de toda uma história de um determinado povo em determinada época. Os contrapontos situam-se, a priori, em Emma Bovary, que busca pela realização de seus desejos, ao contrário de Penélope, submissa que apenas espera por seu esposo. Concomitante, Ulisses é a negação de Charles Bovary, mesmo com suas traições, ainda é um louvado homem e grandioso esposo, contrário ao insípido Charles, que não é capaz de despertar e manter o sentimento de paixão na esposa, que, infeliz, procura fora do casamento o amor tão sonhado. Acontece a ruptura com a sociedade machista e burguesa, que sempre disseminou que a esposa deveria ficar restrita apenas ao seio do lar. Ruptura que se verifica solidificada no atual século. Para tanto, este estudo perpassa várias personagens literárias e, ainda, realiza uma breve análise dos tipos vários de amor presentes nas relações conjugais, confrontando as figuras da mulher submissa, que aceita passivamente o seu destino, e da mulher lutadora, que busca a sua realização em todas as suas esferas.
Abstract: This work is mainly aimed to develop a study of evolution of the feminine being, his voice, his sexuality, swaying and precepts that make up your identity, engaging in the rich history of characters Penelope and Emma Bovary, analyzing the dimensions of the heroin Penelope as initial prototype and Emma Bovary as her frontal negation passing by Lisístrata, as an element of disruption and destabilization as many female archetypes of Western literature throughout the ages. The analysis is extended to the study of the role of women in societies where the heroines are inserted studied here, in communion with the theory that art is the representation of an entire history of a people at a given time. The counterpoints are located, at first, in Emma Bovary, seeking the fulfillment of their wishes, unlike Penelope, submissive just waiting for her husband. Concomitantly, Ulysses is the negation of Charles Bovary, even with their treachery, it is still a great man and praised her husband, Charles contrary to the bland, which is not able to arouse and maintain the feeling of passion in his wife, who was looking unhappy marriage love so desired. It happens to break with the bourgeois and sexist society, which always spread that the wife should be restricted to the heart of the home. Therefore, this study goes through several literary characters, and also makes a brief analysis of the various types of love present in marital relations, confronted the figures of the submissive woman who passively accept their fate and woman fighter who seeks fulfillment in all their spheres.
Palavras-chave: Heroína-herói
Penélope
Emma
Amor-desejo
Convenções sociais
Heroine-hero
Penelope
Emma
Love-desire
Social conventions
Área(s) do CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de Goiás
Sigla da instituição: PUC Goiás
Departamento: Ciências Humanas
Programa: Literatura e Crítica Literária
Citação: PIMENTA, Allyne Alves Marques. PENÉLOPE E EMMA VOANDO NO TEMPO.. 2012. 119 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Pontifícia Universidade Católica de Goiás, GOIÂNIA, 2012.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/3219
Data de defesa: 1-Feb-2012
Appears in Collections:Mestrado em Letras

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Allyne Alves Marques Pimenta.pdf617,54 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.