???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucgoias.edu.br:8080/handle/tede/3747
Tipo do documento: Dissertação
Título: A ESCRAVIDÃO CONTEMPORÂNEA NO CAMPO: UM ELO NA MODERNIZAÇÃO DE GOIÁS E MARANHÃO
Autor: Amaral Neto, Roberval 
Primeiro orientador: Sugizaki, Eduardo
Primeiro membro da banca: Santos, Sônia Maria Ribeiro dos
Segundo membro da banca: Santos Neto, Arnaldo Bastos
Resumo: O fenômeno da escravidão contemporânea: o trabalho escravo em Goiás e no Maranhão é o objeto de que se ocupa esta dissertação. Assim, a partir da experiência da escravidão por dívida dos trabalhadores rurais, em Goiás e Maranhão, procurou-se compreender os processos econômicos, sociais e políticos que teimam em manter a escravidão contemporânea em todas as regiões brasileiras. A investigação tem como alvo os trabalhadores goianos e maranhenses submetidos à escravidão por dívida, no período de 1995 a 2015. Nesta análise, busco primeiramente salientar o fenômeno da escravidão no Brasil contemporâneo, mostrando os limites das políticas de Estado no combate à escravidão durante o século XX, as discussões acadêmicas em torno da problemática do trabalho escravo e o papel decisivo da sociedade civil organizada no combate à escravidão hodierna. Em seguida, a análise se detém a Goiás, suas singularidades, processos políticos e econômicos internos, assim como os instrumentos criados pela sociedade para combater a escravidão. Logo depois, analisa-se o trabalho escravo maranhense, como as opções políticas e econômicas da oligarquia Sarney em meio ao processo de modernização da Amazônia Legal, as sequelas sociais provocadas pela extrema concentração da riqueza maranhense, os conflitos no campo e a migração dos trabalhadores rurais que sem alternativas concretas, buscam melhores dias em outros estados, mas o fazem dentro de uma lógica e de uma estratégia de resistência dentro das margens de liberdade que possuem. E por fim, busca-se as convergências e divergências entre o trabalho escravo goiano e maranhense, visando, assim, encontrar as conexões que possibilitam a profunda compreensão do fenômeno da escravidão contemporânea.
Abstract: The phenomenon of contemporary slavery: the slave labor in Goias and Maranhao is the object hatholds this dissertation. Thus, from the experience of debt bondage of rural workers, in Goias and Maranhao, he sought to understand economic processes, social and political insist on keeping contemporary slavery in all Brazilian regions. The research target is the goianos workers and maranhenses subjected to debt bondage, from 1995 to 2015. In this analysis, I seek first to highlight the phenomenon of slavery in contemporary Brazil, showing the limits of government policies in combating slavery during the twentieth century, academic discussions about the slave labor of the problem and the decisive role of civil society organizations in combating today's slavery. Then, the analysis holds Goiás, their singularities, political and domestic economic processes and the instruments created by society to fight slavery. Soonafter, analyzes the maranhense slave labor, as political and economic options of the Sarney oligarchy amid the process of modernization of theAmazon, the partners sequele caused by extreme concentration of Maranhão income, conflicts and migration of Maranhao in th emiddle extreme poverty of rural workers who have been expelled from their lands, seeking better days in other states, but they do so within a logic and a resistance strategy within the margins of freedom they have. And to finish the dissertation we seek convergences and divergences between Goias and Maranhao slave labor aimed at finding the connections that enables deep understanding of slavery phenomenon in contemporary Brazil.
Palavras-chave: Escravidão contemporânea. Estrutura fundiária. Migração. Agronegócio. Rural e urbano.
contemporary slavery. Landownership. Migration. Agribusiness. Rural and urban
Área(s) do CNPq: CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de Goiás
Sigla da instituição: PUC Goiás
Departamento: Escola de Formação de Professores e Humanidade::Curso de História
Programa: Programa de Pós-Graduação STRICTO SENSU em História
Citação: Amaral Neto, Roberval. A ESCRAVIDÃO CONTEMPORÂNEA NO CAMPO: UM ELO NA MODERNIZAÇÃO DE GOIÁS E MARANHÃO. 2016. 228 f. Dissertação (Programa de Pós-Graduação STRICTO SENSU em História) - Pontifícia Universidade Católica de Goiás, Goiânia-GO.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.pucgoias.edu.br:8080/handle/tede/3747
Data de defesa: 27-Jun-2016
Appears in Collections:Mestrado em História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ROBERVAL AMARAL NETO.pdfTexto Completo2,06 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.