???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucgoias.edu.br:8080/handle/tede/3763
Tipo do documento: Tese
Título: Chronos kai Anagké: Vestígios do Sagrado em João Guimarães Rosa.
Título(s) alternativo(s): Chronos kai Anagké: Vestiges of the Sacred in João Guimarães Rosa.
Autor: Araujo, Cristiano Santos 
Primeiro orientador: Garcia, Gilberto Gonçalves
Primeiro membro da banca: Ecco, Clóvis
Segundo membro da banca: Fernandes, Marcos Aurélio
Terceiro membro da banca: Lima, Maria de Fatima Gonçalves
Quarto membro da banca: Santana, Jorge Alves
Resumo: Esta tese analisa o testemunho do Sagrado na obra literária de João Guimarães Rosa (1908-1967), especificamente, o conto Chronos kai Anagké (1930) e, o seu único romance, Grande Sertão: Veredas (1956). Esta pesquisa tem como eixo método-epistemológico básico a transdisciplinaridade entre o conceito de Sagrado nas Ciências da Religião em Rudolf Otto e Mircea Eliade, o conceito de Narratologia Literária em Paul Ricoeur e a Teoria do Testemunho de Márcio Selligmann para uma leitura do sagrado na literatura de Guimarães Rosa. Discute-se a relação teórica entre Literatura e Sagrado, os Vestígios do Sagrado na Literatura, as Geograficidades do Sagrado no romance roseano, e a obra de arte literária como possibilidade de interpretação sócio-cultural. Demonstraremos que a narratologia roseana apresenta um acervo, registro e interpretação de um imaginário sobre Deus, o Demo e o homem humano no sagrado brasileiro, apresentaremos João Guimarães Rosa como um intérprete do Sagrado, não apenas na Literatura, mas também na Cultura Brasileira.
Abstract: This thesis analyzes the testimony of the Sacred in the literary work of João Guimarães Rosa (1908-1967), specifically the short story Chronos kai Anagké (1930) and his only novel, Grande Sertão: Veredas (1956). This research has as a basic methodological-epistemological axis the transdisciplinarity between the concept of Sacred in the Sciences of Religion in Rudolf Otto and Mircea Eliade, the concept of Literary Narratology in Paul Ricoeur and the Theory of Witness of Márcio Selligmann for a reading of the sacred in literature of Guimarães Rosa. It discusses the theoretical relationship between Literature and Sacred, the Vestiges of the Sacred in Literature, the Geographies of the Sacred in the roseana novel, and the work of literary art as a possibility of socio-cultural interpretation. We will show that roseana narratology presents a collection, record and interpretation of an imaginary about God, the demo and the human man in the Brazilian sacred, we will present João Guimarães Rosa as an interpreter of the Sacred, not only in Literature, but also In Brazilian Culture.
Palavras-chave: João Guimarães Rosa - Sagrado - Narratologia - Testemunho - Cultura Brasileira.
João Guimarães Rosa - Sacred - Narratology - Testimony - Brazilian Culture.
Área(s) do CNPq: CIENCIAS HUMANAS::TEOLOGIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de Goiás
Sigla da instituição: PUC Goiás
Departamento: Escola de Formação de Professores e Humanidade::Curso de Teologia
Programa: Programa de Pós-Graduação STRICTO SENSU em Ciências da Religião
Citação: Araujo, Cristiano Santos. Chronos kai Anagké: Vestígios do Sagrado em João Guimarães Rosa. 2017. 248 f. Tese (Programa de Pós-Graduação STRICTO SENSU em Ciências da Religião) - Pontifícia Universidade Católica de Goiás, Goiânia-GO.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.pucgoias.edu.br:8080/handle/tede/3763
Data de defesa: 25-Aug-2017
Appears in Collections:Doutorado em Ciências da Religião

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CRISTIANO SANTOS ARAUJO.pdfTexto Completo2,06 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.