???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucgoias.edu.br:8080/handle/tede/3783
Tipo do documento: Dissertação
Título: O TRABALHO DOS ASSISTENTES SOCIAIS COM FAMÍLIAS NO CONTEXTO DA POLÍTICA NACIONAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL EM GOIÂNIA
Autor: Abrão, Kenia Cristina Lopes 
Primeiro orientador: Ribeiro, Eleusa Bilemjian
Primeiro membro da banca: Machado, Maria Conceição Sarmento Padial
Segundo membro da banca: Mioto, Regina Celia Tamaso
Resumo: A presente dissertação é o resultado de uma pesquisa que buscou conhecer o impacto da Política Nacional de Assistência Social (PNAS) nas condições de vida das famílias atendidas nos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), mediante a intervenção das assistentes sociais. Buscou-se desvelar o cotidiano profissional destas profissionais no encaminhamento das demandas, rotinas e atividades por elas realizadas. Foram escolhidos para a pesquisa seis unidades dos CRAS, serviços responsáveis pela execução da proteção social básica. Para a amostragem, foram eleitas dez assistentes sociais que atuam em programas da instituição voltados para as famílias, para entrevista semiestruturada mediante abordagem qualitativa. Foi realizada pesquisa documental e bibliográfica sobre a temática família, com destaque na PNAS. A fundamentação teórica adotada foi o método crítico dialético marxista, que propiciou o desvelamento da imediaticidade do objeto por meio da incorporação das categorias: política pública, proteção social e família. As considerações deste estudo apontam dificuldades e limitações no exercício profissional do assistente social e, por outro lado, uma postura profissional pouco autônoma diante das adversidades.
Abstract: This dissertation results from a research that aimed to know the impact of the Social Assistance National Policy (PNAS) on living conditions of the families attended by social workers at the Reference Centers of Social Assistance (CRAS). It seeks unveil the daily work of these professionals about procedures of demands, routines and activities. Six units of CRAS, which provider for basic social protection, were defined as universe of the research. Ten social workers from the institutions programs focused on families were elected, as sample, for a semi-structured interview under qualitative approach. A documental and bibliographic research was carried out on family, especially its relation with the PNAS. The theoretical background adopted was the critical dialectic Marxism method, who led to unveil the immediacy aspects through the categories: public policy, social protection and family. Survey considerations indicate difficulties and limitations at the daily professional of the social workers and, moreover, little autonomy in their attitudes facing adversity.
Palavras-chave: Família; Proteção Social Básica; Política de Assistência Social; Serviço Social.
Family; Basic Social Protection; Social Assistance Policy; Social Work.
Área(s) do CNPq: CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::SERVICO SOCIAL
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de Goiás
Sigla da instituição: PUC Goiás
Departamento: Escola de Ciências Sociais e Saúde::Curso de Serviço Social
Programa: Programa de Pós-Graduação STRICTO SENSU em Serviço Social
Citação: Abrão, Kenia Cristina Lopes. O TRABALHO DOS ASSISTENTES SOCIAIS COM FAMÍLIAS NO CONTEXTO DA POLÍTICA NACIONAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL EM GOIÂNIA. 2011. 143. Dissertação (Programa de Pós-Graduação STRICTO SENSU em Serviço Social) - Pontifícia Universidade Católica de Goiás, Goiânia-GO.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.pucgoias.edu.br:8080/handle/tede/3783
Data de defesa: 5-May-2011
Appears in Collections:Mestrado em Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
KÊNIA CRISTINA LOPES ABRÃO.pdfTexto Completo1,14 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.