???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucgoias.edu.br:8080/handle/tede/3983
Tipo do documento: Dissertação
Título: Análise da expressão de miR-10b e miR-7 potencialmente associados à expressão de BRCA1 em carcinomas de mama
Autor: Bastos, Daniel Rodrigues de 
Primeiro orientador: Saddi, Vera Aparecida
Primeiro membro da banca: Vilanova-Costa, Cesar Augusto Sam Tiago
Segundo membro da banca: Carneiro, Megmar Aparecida dos Santos
Resumo: Introdução: O câncer de mama é a neoplasia mais frequente entre as mulheres de todo o mundo e representa a principal causa de morte nesta população. Importantes biomarcadores têm sido estudados, a fim de definir melhor o prognóstico de pacientes acometidas por esta doença. Os microRNAs são pequenas moléculas de RNAs não codificantes, compostos por 21 a 25 nucleotídeos e desempenham importante papel na regulação pós-transcricional de diversos genes. Objetivo: O objetivo do estudo foi avaliar a expressão de microRNAs (miRNAs: hsa-miR-7 e hsamiR- 10b) e da proteína BRCA1 em amostras de câncer de mama, bem como as possíveis associações entre a expressão desses marcadores e os aspectos clinicopatológicos e prognósticos. Método: O estudo foi composto por 92 casos de carcinoma de mama, provenientes do Hospital Araújo Jorge, da Associação de Combate ao Câncer em Goiás. Foram utilizados fragmentos de tumores incluídos em parafina. A extração de microRNA das amostras foi realizada e o produto gerado foi utilizado para a síntese de cDNA. As amostras de cDNA foram ajustadas para igual concentração e submetidas à PCR quantitativa em tempo real (qRT-PCR). As amostras foram avaliadas ainda por meio de imuno-histoquímica para expressão de BRCA1. Resultados: Um total de 234 registros de imuno-histoquímica foi avaliado, resultando em 56 casos de carcinomas de mama apresentando fenótipo não triplonegativo e 36 com fenótipo triplo-negativo. A sobrevida das pacientes em função das características clinicopatológicas demonstrou associações com os casos triplonegativos (p=0,044), estádios mais avançados (p=0,005), acometimento linfonodal (p=0,038), presença de metástase à distância (p=0,0008) e ausência da expressão de BRCA1 (p=0,039). Associações significativas foram demonstradas entre a ausência de BRCA1 e o fenótipo triplo-negativo (p=0,0346), entre a ausência da expressão do receptor de estrógeno e ausência da expressão de BRCA1 (p=0,006), e entre o receptor de progesterona e a ausência da expressão de BRCA1 (p=0,0163). A análise por qRT-PCR demonstrou diferentes níveis de expressão de miR-10b e de miR-7, com associações significativas ao fenótipo triplo-negativo (p=0,021; p=0,042) e à ausência de BRCA1 (p=0,039; p=0,006). A comparação entre ausência e presença da expressão do receptor do fator de crescimento epidérmico humano demonstrou diferença significativa para miR-7 (p=0,031), sendo que a expressão de miR-10b nestes casos não foi estatisticamente diferente (p=0,926). Conclusão: Associações significativas foram demonstradas entre a ausência de BRCA1 e o fenótipo triplo-negativo. A sobrevida em cinco anos foi inversamente associada ao fenótipo triplo-negativo, aos estádios clínicos III e IV, à presença de metástase linfonodal, à presença de metástase à distância e à ausência da expressão de BRCA1. Este estudo demonstrou ainda que hsa-miR-7 e hsa-miR- 10b estão significativamente associados à ausência da expressão de BRCA1 e ao fenótipo triplo-negativo, sendo observada pior sobrevida nestes perfis de pacientes. Estudos com maior número de casos e com linhagens celulares devem ser realizados para constatar o papel de hsa-miR-7 e hsa-miR-10b na modulação da expressão de BRCA1.
Abstract: Introduction: Breast cancer is the most frequent neoplasm among women worldwide and represents the leading cause of death in this population. Important biomarkers have been studied in order to better define the prognosis of patients affected by this cancer. MicroRNAs are small molecules of non-coding RNAs composed of 21 to 25 nucleotides that play an important role in the post-transcriptional regulation of several genes. Objective: The objective of this study was to evaluate the expression of microRNAs (miRNAs: hsa-miR-7 and hsa-miR-10b) and BRCA1 protein in breast cancer samples, as well as the possible associations between expression of these markers with clinicopathological and prognostic aspects. Method: The study included 92 cases of breast carcinoma from Hospital Araújo Jorge, Associação de Combate ao Câncer em Goiás. Formalin fixed paraphin embedded samples were used for the analisis. MicroRNA was extracted from the samples and used for cDNA synthesis. The cDNA samples were adjusted to the same concentration and submitted to quantitative real-time PCR (qRT-PCR). Samples were further evaluated by immunohistochemistry for BRCA1 expression. Results: From a group of 234 immunohistochemical records, 56 cases of non-triple-negative and 36 triple-negative breast carcinomas were selected. Five-year overall survival was significantly associated to triple negative phenotype (p = 0.044), advanced stages (p = 0.005), lymph node involvement (p = 0.038), presence of distant metastasis (p = 0, 0008) and absence of BRCA1 expression (p = 0.039). Significant associations were demonstrated between the absence of BRCA1 and the triple-negative phenotype (p = 0.0346), as well as the absence of estrogen receptor expression (p = 0.006) and absence of progesterone receptor expression (p = 0.0163). The analysis by qRTPCR demonstrated different levels of miR-10b and miR-7 expression in the tumors, with significant associations with triple-negative phenotype (p = 0.021, p = 0.042) and the absence of BRCA1 (p = 0.039, p = 0.006). The comparison between absence and presence of human epidermal growth factor receptor expression showed a significant difference for miR-7 (p = 0.031), and the expression of miR-10b in these cases was not statistically different (p = 0.926). Conclusion: Significant associations were demonstrated between the absence of BRCA1 and the triple-negative phenotype. Five-year overall survival was reduced for the triple-negative phenotype patients, clinical stages III and IV, the presence of lymph node metastasis, the presence of distant metastasis and the absence of BRCA1 expression. This study also demonstrated that hsa-miR-7 and hsa-miR-10b are significantly associated with the absence of BRCA1 expression and triple-negative phenotype, with poorer survival in these patient profiles. Studies with more cases and with cell lines should be performed in order to confirm the role of hsa-miR-7 and hsa-miR-10b in the modulation of BRCA1 expression.
Palavras-chave: microRNA, hsa-miR-7, hsa-miR-10b, carcinoma de mama, BRCA1.
microRNA, hsa-miR-7, hsa-miR -10b, breast carcinoma, BRCA1.
Área(s) do CNPq: CIENCIAS DA SAUDE
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de Goiás
Sigla da instituição: PUC Goiás
Departamento: Escola de Ciências Médicas, Famacêuticas e Biomédicas::Curso de Biomedicina
Programa: Programa de Pós-Graduação STRICTO SENSU em Ciências Ambientais e Saúde
Citação: Bastos, Daniel Rodrigues de. Análise da expressão de miR-10b e miR-7 potencialmente associados à expressão de BRCA1 em carcinomas de mama. 2017. 115 f. Dissertação (Programa de Pós-Graduação STRICTO SENSU em Ciências Ambientais e Saúde) - Pontifícia Universidade Católica de Goiás, Goiânia-GO.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.pucgoias.edu.br:8080/handle/tede/3983
Data de defesa: 4-May-2017
Appears in Collections:Mestrado em Ciências Ambientais e Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DANIEL RODRIGUES DE BASTOS.pdfTexto Completo1,88 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.