???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucgoias.edu.br:8080/handle/tede/4299
Tipo do documento: Tese
Título: Mediação Pedagógica em Disciplinas Semipresenciais nos Ambientes Virtuais de Aprendizagem.
Autor: Brito, Maria Aparecida Candine de 
Primeiro orientador: Zanatta, Beatriz Aparecida
Primeiro membro da banca: Freitas, Raquel Aparecida Marra da Madeira
Segundo membro da banca: Peixoto, Joana
Terceiro membro da banca: Toschi, Mirza Seabra
Quarto membro da banca: Rosa, Sandra Valéria Limonta
Resumo: A pesquisa teve como objetivo principal analisar o processo de mediação pedagógica em disciplinas semipresenciais nos ambientes virtuais de aprendizagem (AVA) dos cursos de Pedagogia. Apresentou os seguintes objetivos: Caracterizar mediação pedagógica nos AVA em disciplinas semipresenciais dos cursos de Pedagogia; identificar as ações de mediação didática dos professores dos professores nos AVA e relacioná-las com os fundamentos da Teoria Histórico-Cultural. Quanto ao conceito de mediação a pesquisa fundamentou-se na Teoria Histórico-Cultural, de Vygotsky e alguns teóricos. Quanto à mediação pedagógica com uso das tecnologias digitais na educação as referencias foram: Toschi, Freitas, Durán, Peixoto Buscou-se esclarecer as seguintes questões: Como ocorre a mediação didático-pedagógica nos AVA das disciplinas semipresenciais? Que ações docentes caracterizam as práticas de mediação pedagógica nos AVA das disciplinas semipresenciais oferecidas pelo curso de Pedagogia? Que relações podem ser identificadas entre o conceito de mediação fundamentado na Teoria Histórico-Cultural e as ações de mediação dos professores no processo pedagógico nos AVA? A pesquisa de abordagem qualitativa, foi realizada em duas instituições de educação superior de Goiânia, tendo como sujeitos cinco docentes que atuam em disciplinas semipresenciais nos cursos de Pedagogia. Os dados foram coletados por meio de questionários, entrevistas, observação das aulas nos AVA, análise de projeto pedagógico do curso e dos planos de ensino. Foi realizado o cotejamento entre os dados da pesquisa de campo e a revisão de literatura sobre mediação pedagógica na EaD e nos AVA, com base no referencial da Teoria Histórico-Cultural. A análise dos dados apontou para três tipos de ações de mediação que denominamos: ações quanto ao funcionamento do curso e uso-operação das ferramentas do AVA; ações de comunicação e ações pedagógico-didáticas. Essas ações não ocorreram isoladas, mas relacionadas aos aspectos específicos de cada processo de mediação desenvolvido. Concluímos que o docente precisa saber como e quando fazer as intervenções pedagógicas com uso das tecnologias, o que depende da maneira como ele planeja, organiza e conduz a mediação do processo de conhecimento pelo aluno para que cumpra com a sua finalidade pedagógica. É necessário que o professor seja orientado por uma teoria de ensino que o instrumentalize em sua prática pedagógica de modo a que ele possa mediar o processo de construção do conhecimento do aluno. Para tanto, é necessário implementar projetos de formação de professores com tecnologia para que eles possam rever a prática, entendê-la e aprimorá-la à luz de teorias de aprendizagem que venham nortear a mediação pedagógica nos AVA das disciplinas semipresenciais.
Abstract: This study aimed to analyze the process of pedagogical mediation in semipresencial subject matters taken in virtual learning environments (VLE) in Pedagogy courses. It had two primary goals: characterizing the pedagogical mediation in semipresencial subject matters taken in VLE in Pedagogy courses; identifying the didactic mediation practices employed by the teachers’ teachers in VLE, and relating them to the basis of Cultural Historical Theory. As for the concept of mediation, this study was based on Vygotsky and other scholars’ Cultural Historical Theory. For pedagogical mediation through the use of digital technologies in education our references were: Toschi, Freitas, Durán and Peixoto. We aimed to clarify the following issues: How does the pedagogical-didactic mediation take place in semipresencial subject matters taken in VLE? What teaching practices characterize pedagogical mediation practices in semipresencial subject matters taken via VLE offered by the Pedagogy course? What relationships can be identified between the mediation concept based on the Cultural Historical Theory and the mediation practices employed by the teachers in the VLE pedagogical process? This qualitative study was carried out in two higher education institutions in Goiânia assessing five teachers conducting semipresencial subject matters in the Pedagogy courses. Data was gathered through questionnaires, interviews, VLE peerwatching, as well as the analysis of both pedagogical process and lesson plans. We compared both field research data and review of literature on pedagogical mediation in distance education and in VLE in light of the Cultural Historical theory. Data analysis pointed towards three types of mediation practices which we labeled as: practices related to the course dynamics and the use of VLE tools; communication and pedagogical-didactic practices. These were not isolated practices. Rather, they related back to specific aspects of each mediation process developed. We concluded that the teacher must be aware of how and when to make the pedagogical interventions with the aid of technology. This depends on how such mediation is planned, organized and carried out in the student’s knowledge acquisition process so as to meet the pedagogical agenda. It is crucial that the teacher’s practices are grounded in an educational theory that allows for the mediation of the student’s knowledge acquisition process. To do so, it is necessary to implement technology-based teacher training projects so that they can reassess their practice, and improve it in light of learning theories which guide the pedagogical mediation of semipresencial VLE- taught subject matters.
Palavras-chave: Mediação. Mediação pedagógica. Disciplinas semipresenciais. Teoria Histórico-Cultural. Ambientes Virtuais de Aprendizagem.
mediation, pedagogical mediation, semipresencial subject matters, Cultural Historical Theory, Virtual Learning Environments (VLE).
Área(s) do CNPq: CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de Goiás
Sigla da instituição: PUC Goiás
Departamento: Escola de Formação de Professores e Humanidade::Curso de Pedagogia
Programa: Programa de Pós-Graduação STRICTO SENSU em Educação
Citação: Brito, Maria Aparecida Candine de. Mediação Pedagógica em Disciplinas Semipresenciais nos Ambientes Virtuais de Aprendizagem. 2015. 138 f. Tese (Programa de Pós-Graduação STRICTO SENSU em Educação) - Pontifícia Universidade Católica de Goiás, Goiânia-GO.
Tipo de acesso: Acesso Restrito
URI: http://tede2.pucgoias.edu.br:8080/handle/tede/4299
Data de defesa: 10-Aug-2015
Appears in Collections:Doutorado em Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Maria Aparecida Candine de Brito.pdfTexto Completo1,49 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview    Request a copy


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.