???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucgoias.edu.br:8080/handle/tede/4496
Tipo do documento: Tese
Título: Religião e política: Assembleia de Deus na política partidária de Rondônia
Título(s) alternativo(s): Religion and politics: Assembly of God in Rondônia's party politics
Autor: Frota, José Maria da 
Primeiro orientador: Moreira, Alberto da Silva
Primeiro membro da banca: Quadros, Eduardo Gusmão de
Segundo membro da banca: Lemos, Carolina Teles
Terceiro membro da banca: Borges, Pedro Célio Alves
Quarto membro da banca: Marques, Edmilson Ferreira
Resumo: A tese se propõe, a partir do enfoque teórico da Sociologia da Religião, estudar a Igreja Evangélica Assembleia de Deus na política partidária de Rondônia. Para alcançar o objetivo proposto, a pesquisa se valeu, além da abordagem histórica inicial, da contribuição de teóricos como Max Weber, Pierre Bourdieu e Antonio Gramsci. Weber desenvolveu o conceito de dominação, que está presente na sociedade em várias relações sociais, significando a aceitação do poder, que é a imposição da vontade de uma pessoa ou instituição sobre os indivíduos; Pierre Bourdieu explorou a noção de poder simbólico, que significa a aceitação e a subordinação dos indivíduos ao poder de alguém; Antonio Gramsci criou o conceito de hegemonia, sendo o tipo de dominação ideológica de uma classe social sobre todas as outras, que foi reelaborado por Bourdieu na noção de campo religioso (espaço social em que agentes e instituições disputam o monopólio na satisfação das necessidades espirituais das pessoas e nas relações com o sagrado). Esse quadro teórico possibilita compreender como as decisões, as práticas e as estratégias pastorais desenvolvidas historicamente pela instituição Assembleia de Deus no meio religioso se articulam e se vinculam, a partir de determinado momento histórico, com o campo político-partidário. As atividades religiosas tiveram efeitos e consequências políticas para a Assembleia de Deus e outras denominações. A relação entre política e religião é um tema de interesse das Ciências Sociais e pode ser considerado componente importante para entender o movimento de expansão evangélico-pentecostal, especialmente da Assembleia de Deus, em Rondônia e no Brasil. Pela postura do proselitismo e da atuação política, essa denominação conseguiu multiplicar seus espaços sociais na sociedade brasileira. Assim, a pesquisa trata de como a agremiação religiosa que, anteriormente estava afastada da política partidária por percebê-la como algo profano, modificou a sua posição e passou a organizar sistematicamente a sua intervenção na política partidária
Abstract: The thesis proposes, based on the theoretical focus of the Sociology of Religion, to study the Evangelical Church Assembly of God in Rondônia's party politics. To reach the proposed objective, the research used, in addition to the initial historical approach, the contribution of theorists such as Max Weber, Pierre Bourdieu and Antonio Gramsci. Weber developed the concept of domination, which is present in society in various social relationships, signifying the acceptance of power, which is the imposition of the will of a person or institution on individuals; Pierre Bourdieu explored the notion of symbolic power, which means the acceptance and subordination of individuals to someone else's power; Antonio Gramsci created the concept of hegemony, being the type of ideological domination of one social class over all others, which was reworked by Bourdieu in the notion of religious field (social space in which agents and institutions dispute the monopoly in meeting the spiritual needs of people and relations with the sacred). This theoretical framework makes it possible to understand how the pastoral decisions, practices and strategies historically developed by the Assembly of God institution in the religious environment are articulated and linked, from a certain historical moment, with the political-party field. Religious activities had political effects and consequences for the Assembly of God and other denominations. The relationship between politics and religion is a topic of interest to the Social Sciences and can be considered an important component to understand the movement of evangelical-pentecostal expansion, especially of the Assembly of God, in Rondônia and in Brazil. Due to the attitude of proselytism and political action, this denomination managed to multiply its social spaces in Brazilian society. Thus, the research deals with how the religious group, which was previously removed from party politics because it perceived it as something profane, changed its position and started to systematically organize its intervention in party politics
Palavras-chave: Assembleia de Deus. Religião e política. Rondônia. Sociologia da religião.
Assembly of God. Religion and political. Rondônia. Sociology of religion.
Área(s) do CNPq: Ciências Humanas: Teologia
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de Goiás
Sigla da instituição: PUC Goiás
Departamento: Escola de Formação de Professores e Humanidade::Curso de Teologia
Programa: Programa de Pós-Graduação STRICTO SENSU em Ciências da Religião
Citação: Frota, José Maria da. Religião e política: Assembleia de Deus na política partidária de Rondônia. 2020. 158 f. Tese( Programa de Pós-Graduação STRICTO SENSU em Ciências da Religião) - Pontifícia Universidade Católica de Goiás, Goiânia - Go.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.pucgoias.edu.br:8080/handle/tede/4496
Data de defesa: 24-Mar-2020
Appears in Collections:Doutorado em Ciências da Religião

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
José Maria da Frota.pdf2,22 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.