???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucgoias.edu.br:8080/handle/tede/4675
Tipo do documento: Dissertação
Título: Avaliação dos consensos brasileiros para pesquisa de autoanticorpos em células HEp-2 na perspectiva do reumatologista
Título(s) alternativo(s): Assessment of Brazilian consensus for autoantibody research in HEp-2 cells from the perspective of the rheumatologist
Autor: Francescantonio, Isadora Carvalho Medeiros 
Primeiro orientador: Cruvinel, Wilson de Melo
Primeiro membro da banca: Ximenes, Antônio Carlos
Segundo membro da banca: Barbosa, Vitalina de Souza
Resumo: A pesquisa de autoanticorpos em células Hep-2 consiste em uma relevante ferramenta para auxílio diagnóstico na investigação de doenças autoimunes, objeto de estudo dos especialistas em reumatologia. Tal metodologia passou por um intenso processo de aperfeiçoamento e padronização nas últimas duas décadas, com significativo aumento na sensibilidade e redução da especificidade do teste. Assim, indivíduos hígidos passaram a apresentar maior frequência de resultados positivos gerando desconforto para pacientes e prejuízo no raciocínio clínico. Objetivo: Avaliar o conhecimento dos reumatologistas a respeito das determinações dos Consensos Brasileiros para pesquisa de autoanticorpos em células Hep-2 e como as determinações dos Consensos Brasileiros auxiliam na prática clínica. Metodologia: Foi aplicado um questionário que avaliou a perspectiva dos reumatologistas a respeito dos Consensos Brasileiros para pesquisa de autoanticorpos em células Hep-2, resultando em uma amostra de 414 reumatologistas. Os resultados foram analisados utilizando método simples de porcentagem pela utilização do programa Microsoft® Excel e os dados dicotômicos foram analisados pelo teste qui-quadrado pelo programa Epi InfoTM. Resultados: Dos participantes, 70% afirmaram que o seu conhecimento sobre o teste de FAN Hep-2 era satisfatório ou superior; e 43% afirmaram que conhecem as recomendações dos consensos de modo geral sem distinguir a edição do consenso a que se referem. A Revista Brasileira de Reumatologia foi o meio de acesso ao material mais utilizado pelos especialistas (50%). O padrão mais importante considerado pelos especialistas foi o nuclear homogêneo (78%). Ao total, 65% dos participantes declararam que a sua satisfação com relação aos Consensos brasileiros é maior ou igual a 80%. Não houve diferença significativa entre as regiões quando analisados os dados dicotômicos. Conclusão: Os reumatologistas brasileiros tem conhecimento a respeito do material dos Consensos Brasileiros e a maioria está satisfeito com o conteúdo desses, uma vez que suas recomendações auxiliam na prática clínica. Os especialistas também reconhecem os padrões mais xiv associados a doenças autoimunes reumáticas e tem usado as determinações dos Consensos para a interpretação dos exames laboratoriais Palavras-chave: Autoimunidade; Doenças autoimunes; FAN; Hep-2
Abstract: Introduction: The search for autoantibodies in Hep-2 cells is a relevant tool to aid diagnosis in the investigation of autoimmune diseases, object of study by rheumatology specialists. This methodology has undergone an intense process of improvement and standardization in the last two decades, with a significant increase in sensitivity and a reduction in the specificity of the test. As a consequence, healthy individuals started to present a higher frequency of positive results generating discomfort for patients and impaired clinical reasoning. Objective: To evaluate the knowledge of rheumatologists regarding the determinations of the Brazilian Consensus for research of autoantibodies in Hep-2 cells and how the determinations of the Brazilian Consensus assist in clinical practice. Methodology: A questionnaire was applied to evaluate the perspective of rheumatologists regarding the Brazilian Consensus for research of autoantibodies in Hep-2 cells, resulting in a sample of 414 rheumatologists. The results were analyzed using a simple percentage method using Microsoft® Excel 2016 and the dichotomous data were analyzed by the chi-square test using the Epi InfoTM program. Results: Of the participants, 70% said that their knowledge about the ANA Hep-2 test was greater than or equal satisfactory; and 43% stated that they know the consensus recommendations in general without distinguishing the edition of the consensus to which they refer. The Advances in Rheumatology was the means of access to the material most used by specialists (50%). The most important pattern considered by the specialists was the homogeneous nuclear (78%). In total, 65% of the participants declared that their satisfaction with the Brazilian Consensus is greater than or equal to 80%. There was no significant difference between the country regions when analyzing the dichotomous data. Conclusion: Brazilian rheumatologists are aware of the material in the Brazilian Consensus and most are satisfied with its content, since their recommendations help in clinical practice. Experts also recognize the patterns most associated with rheumatic autoimmune diseases and have used Consensus guidelines for the interpretation of laboratory tests. Keywords: Autoimmunity; Autoimmune diseases; ANA; Hep-2
Palavras-chave: Autoimunidade; Doenças autoimunes; FAN; Hep-2
Autoimmunity; Autoimmune diseases; ANA; Hep-2.
Área(s) do CNPq: Ciência da Saúde
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de Goiás
Sigla da instituição: PUC Goiás
Departamento: Escola de Ciências Médicas, Famacêuticas e Biomédicas::Curso de Biomedicina
Programa: Programa de Pós-Graduação STRICTO SENSU em Ciências Ambientais e Saúde
Citação: Francescantonio, Isadora Carvalho Medeiros. Avaliação dos consensos brasileiros para pesquisa de autoanticorpos em células HEp-2 na perspectiva do reumatologista. 2020. 61 fl. Dissertação( Programa de Pós-Graduação STRICTO SENSU em Ciências Ambientais e Saúde) - Pontifícia Universidade Católica de Goiás, Goiânia.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.pucgoias.edu.br:8080/handle/tede/4675
Data de defesa: 20-Feb-2020
Appears in Collections:Mestrado em Ciências Ambientais e Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Isadora Carvalho Medeiros Francescantonio.pdf4,05 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.