???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucgoias.edu.br:8080/handle/tede/679
Tipo do documento: Tese
Título: JOVENS DA AGRICULTURA FAMILIAR DE RUBIATABA-GO: PROCESSOS EDUCATIVOS E PERSPECTIVAS DE REPRODUÇÃO SOCIAL
Autor: José Neto, Joaquim 
Primeiro orientador: Guimarães, Maria Tereza Canezin
Primeiro membro da banca: Queiroz, Edna Mendonça Oliveira de
Segundo membro da banca: Cruz, José Adelson da
Terceiro membro da banca: Nepomuceno, Maria de Araújo
Quarto membro da banca: Sousa, Sônia Margarida Gomes
Resumo: O presente trabalho Jovens da agricultura familiar de Rubiataba-GO: processos educativos e perspectivas de reprodução social é uma tese de doutorado que faz parte da linha de pesquisa Educação, Sociedade e Cultura do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Educação (PPGE) da Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC Goiás). O seu propósito foi investigar a condição e a situação juvenil dos filhos de agricultores familiares da região de Baixa Verde, município de Rubiataba-GO, buscando apreender os jovens no bojo dos mecanismos de reprodução do grupo social a que pertencem. Com esse intuito, buscaram-se os sentidos que elaboram em relação ao modo de ser jovem, ao modo de vida e trabalho dos pais, ao sistema formal de educação, à contribuição das instituições formadoras e dos momentos de lazer e como organizam seus projetos de realização profissional. No processo de investigação, utilizaram-se, para a coleta de dados, a aplicação de questionários, a técnica de entrevista semiestruturada e a observação assistemática. Os jovens filhos de agricultores familiares são uma categoria social que surge da socialização no processo de trabalho familiar agrícola, sendo atingidos, em seus projetos, pela expansão do capitalismo no campo, que desconsidera os anseios e os projetos dos próprios jovens, de permanência e sobrevivência na agricultura familiar. Eles participam de unidades familiares de produção agrícola, em que predominam a gestão, o trabalho, a propriedade, a instituição de saberes, normas e valores do universo da família. Suas famílias participaram do processo migratório das décadas de 1940 e 1960, a chamada Marcha para o Oeste, e se instalaram na região até os dias atuais, consolidando seus projetos de criação, manutenção e reprodução do modelo agrícola denominado agricultura familiar, mas estão vendo diminuírem as expectativas de permanência dos filhos no campo e, consequentemente, de futuro para suas propriedades e seu patrimônio cultural. Participando da educação escolar, subjugada pelo sistema capitalista, os jovens estão migrando seus interesses e projetos para as oportunidades de estudo e trabalho na cidade. O desgaste do solo, as propriedades pequenas e sem espaço para ampliação, limitam as possibilidades de os jovens sucederem os pais na atividade agrícola, são obstáculos para protagonizarem a reprodução social da agricultura familiar.
Abstract: This study on young people in family farming in Rubiataba, Goiás, and the educational processes and perspectives of social reproduction, is a doctoral thesis in the field of research into Education, Society and Culture of the Post-graduate studies in Education Program at the Pontifical Catholic University of Goiás. It set out to analyze the conditions and environment of the children of family farmers in the region of Baixa Verde, municipality of Rubiataba, Goiás, in order to understand young people at the heart of the mechanisms of reproduction of the social group to which they belong. To do so, it investigated their feelings about their way of being young people, the way of life and work of their parents, the formal education system, the contribution of formation institutions and leisure time and how they organize their projects for professional fulfillment. Questionnaires were distributed to collect data and other techniques, such as semistructured interviews and asystematic observation, were also used. The adolescent children of family farmers constitutes a social category which arises out of the socialization of the process of family farming whose projects are affected by the expansion of capitalism in the countryside which disregards the wishes and designs of the young, to stay on and earn their living there. They participate in family units of agricultural production in which management, work, property, the institution of knowledge, norms and the values of the family universe predominate. Their families participated in the migration process of the 1940s and 1960s, the so-called March to the West, have settled in the region until today consolidating their projects of creating, maintaining and reproducing the agricultural model called family farming, but who are witnessing a decline in their children s hopes of remaining on in the countryside and, consequently, the future of their properties and cultural heritage. Participating in a school education, subordinated to the capitalist system, young people are turning their interests and projects towards opportunities for study and work in the towns and cities. Soil degradation and the fact that the small farms provide no room for expansion limit the possibilities for young people to take over farming from their parents, and are obstacles in the way of the social reproduction of family farming.
Palavras-chave: agricultura familiar
condição e situação juvenil
reprodução social
family farming
young people s conditions and environment
social reproduction
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de Goiás
Sigla da instituição: PUC Goiás
Departamento: Ciências Humanas
Programa: Stricto Sensu - Doutorado em Educação
Citação: JOSÉ NETO, Joaquim. JOVENS DA AGRICULTURA FAMILIAR DE RUBIATABA-GO: PROCESSOS EDUCATIVOS E PERSPECTIVAS DE REPRODUÇÃO SOCIAL. 2011. 206 f. Tese (Doutorado em Ciências Humanas) - Pontifícia Universidade Católica de Goiás, GOIÂNIA, 2011.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/679
Data de defesa: 30-Sep-2011
Appears in Collections:Doutorado em Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
JOAQUIM JOSE NETO.pdf1,73 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.