???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucgoias.edu.br:8080/handle/tede/693
Tipo do documento: Tese
Título: ENSINO E APRENDIZAGEM DE DIDÁTICA NO CURSO DE PEDAGOGIA: CONTRIBUIÇÕES DA TEORIA DESENVOLVIMENTAL DE V.V. DAVÍDOV.
Autor: Marzari, Marilene 
Primeiro orientador: Freitas, Raquel Aparecida Marra da Madeira
Primeiro membro da banca: Rosa, Dalva Eterna Gonçalves
Segundo membro da banca: Tiballi, Elianda Figueiredo Arantes
Terceiro membro da banca: Libâneo, José Carlos
Quarto membro da banca: Sforni, Marta Sueli de Faria
Resumo: Este estudo insere-se no campo da didática e tem como principal objetivo analisar as contribuições da teoria do ensino desenvolvimental para a formação do pensamento teórico, em didática, dos alunos que frequentam o Curso de Pedagogia-Licenciatura, em uma instituição de ensino privada de Barra do Garças-MT, e se preparam para ser professores na educação infantil e anos iniciais do ensino fundamental. A fundamentação teórica que norteou o estudo pautou-se na teoria histórico-cultural de Vygotsky, na teoria da atividade de Leontiev e na teoria do ensino desenvolvimental de Davídov., além de outros autores como Chaiklin, Lompscher, Hedegaard entre outros que realizam pesquisas, em diferentes níveis de ensino, com o objetivo de pensar em um ensino que ajude os alunos a desenvolver um pensamento que supere o da lógica formal. A pesquisa de natureza qualitativa teve como procedimentos de coleta de dados a observação, a entrevista, a análise documental e a realização do experimento didático-formativo. A observação realizada durante a semana pedagógica, na instituição, e, mais especificamente, na turma investigada, ajudou a compreender o que e como pensam os docentes e discentes em relação ao ensino e à aprendizagem. As entrevistas com as professoras e alunas diretamente envolvidas com a pesquisa revelaram dados importantes a respeito da didática, principalmente tratando-se de um curso de formação de professores. A leitura do Plano de Desenvolvimento Institucional revelou as intenções políticas, administrativas e pedagógicas da instituição, já a análise do Projeto Político Pedagógico do Curso de Pedagogia auxiliou na compreensão, principalmente da estrutura curricular do curso e das ementas. O experimento didático-formativo desenvolvido com as alunas do IV semestre do Curso de Pedagogia seguiu a estrutura da atividade de aprendizagem proposta por Davívov, na qual foram planejadas diferentes ações, operações e tarefas para cada um dos diferentes conceitos que se julgou necessário para a interiorização, apropriação e reprodução do essencial da didática, neste estudo, o processo de ensino. A análise da pesquisa revelou que os professores, em sua maioria, responsabilizam os alunos pela pouca aprendizagem e se isentam das responsabilidades de repensar uma melhor forma de organizar o processo, que é predominantemente transmissivo e se fundamenta na concepção da lógica formal. Os alunos, por sua vez, tendem a aceitar bem essa prática de ensino e dificilmente se colocam como sujeitos ativos em seu processo de aprendizagem. Se, de um lado, se tem uma formação acadêmica que resulte numa outra concepção de ensino, de outro, a realização do experimento didático-formativo mostra que existem possibilidades concretas de desenvolver o pensamento cognitivo dos alunos. Para isso, as atividades de ensino devem partir de uma lógica teórica, ou seja, do geral para o particular, do coletivo para o individual, do abstrato ao concreto pensado a fim de que os alunos formem o pensamento teórico imprescindível ao desenvolvimento do pensamente cognitivo.
Abstract: This study is inserted in didactics fields and its main objective is to analyze the contributions of the theory of developmental education for the formation of theoretical thinking in teaching, of the students who attend the Education-Degree Course in a private educational institution from Barra do Garças-MT, and prepare to be teachers in early childhood education and early years of elementary school. The theoretical framework which guided the study was based on Vygotsky s historical-cultural theory, Leontiev s activity theory and Davidov s developmental education theory, and other authors like Chaiklin, Lompscher, Hedegaard, among others who conduct research, at di{erent levels of education, in order to think of an education that helps students to develop a thought which exceeds that of formal logic. The qualitative research had as its procedures data collection, observation, interviews, document analysis and the achievement of a didactic-formative experiment. The observation made during the pedagogical week at the institution, and, more specifically, the investigated classroom, helped to understand what and how teachers and students think about the teaching and learning. The interviews with teachers and students directly involved with the research revealed important data about the didactic, especially in the case of a training course for teachers. The reading of the Institutional Development Plan revealed the political, administrative and educational intentions of the institution, as for the analysis of the Political Pedagogical Project from the Pedagogy Course helped especially in understanding the curriculum structure and course rules. The formative-teaching experiment developed with the students from the fourth semester of Pedagogy followed the structure of learning activity proposed by Davívov in which di{erent actions, operations and tasks were planned for each of the di{erent concepts that are considered necessary for the internalization, appropriation and reproduction of the essential in teaching, in this study, the teaching process. The analysis of the survey revealed that teachers, mostly blame the students for not learning enough and exempt themselves from the responsibilities of rethinking in a better form to organize the process, which is predominantly transmissive and it is based on the conception of a formal logic. Students, in turn, tend to accept well this teaching practice and hardly put themselves as active citizens in their learning process. If, on one hand, there is an academic background which results in a di{erent conception of teaching, on the other hand, the implementation of a formative- educational experiment shows that there are real opportunities to develop students cognitive thinking. For this reason, the teaching activities should start from a theoretical logic, i.e., from general to particular, from the collective to the individual, from abstract to concrete, designed in order to enable students to form the theoretical thought which is essential to the development of cognitive thinking.
Palavras-chave: Didática
Ensino desenvolvimental
Pensamento teórico
Teaching
Developmental education
Theoretical thinking
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de Goiás
Sigla da instituição: PUC Goiás
Departamento: Ciências Humanas
Programa: Stricto Sensu - Doutorado em Educação
Citação: MARZARI, Marilene. ENSINO E APRENDIZAGEM DE DIDÁTICA NO CURSO DE PEDAGOGIA: CONTRIBUIÇÕES DA TEORIA DESENVOLVIMENTAL DE V.V. DAVÍDOV.. 2010. 278 f. Tese (Doutorado em Ciências Humanas) - Pontifícia Universidade Católica de Goiás, GOIÂNIA, 2010.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/693
Data de defesa: 15-Jun-2010
Appears in Collections:Doutorado em Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MARILENE MARZARI.pdf13,1 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.