???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucgoias.edu.br:8080/handle/tede/730
???metadata.dc.type???: Tese
Title: AS TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO EM LICENCIATURA INTERCULTURAL INDÍGENA: CASO DA UFG.
???metadata.dc.creator???: Alves, Lenice Miranda 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Tiballi, Elianda Figueiredo Arantes
???metadata.dc.contributor.referee1???: Peixoto, Joana
???metadata.dc.contributor.referee2???: Vaz, Duelci Aparecido de Freitas
???metadata.dc.contributor.referee3???: Paniago, Maria Cristina Lima
???metadata.dc.contributor.referee4???: Toschi, Mirza Seabra
???metadata.dc.description.resumo???: O objetivo desta pesquisa, que tem como instrumento de investigação o estudo de caso, é analisar o papel das Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) na formação proporcionada pelo Curso Educação Intercultural da Universidade Federal de Goiás (UFG). A metodologia empregada consistiu de uma pesquisa documental e de coleta de dados, realizada por meio de entrevistas individuais (áudio-gravadas), da aplicação de questionário semiestruturado, com o coordenador e professores formadores que atuam em tempo integral no curso, e de evidências surgidas durante a pesquisa. Esta análise foi feita á luz da Teoria da Atividade (Leontiev) e da socioconstrução do conhecimento (Vygotsky). Este curso tem duração de cinco anos, dois deles destinados à formação básica, comum a todos os estudantes, e três anos de formação específica em uma das três áreas do conhecimento: Ciências da Linguagem, Ciências da Natureza ou Ciências da Cultura. Os estudantes do curso são indígenas da região Araguaia-Tocantins, a maioria deles professores em escolas de suas aldeias. A análise dos dados coletados e dos que emergiram durante o processo da pesquisa, permitiram compreender a formação para o uso pedagógico das TIC por meio das ações de ensino desenvolvidas e do contexto em que elas se estabelecem. Esta formação não ocorre de forma linear, em virtude da heterogeneidade com que ocorre o acesso às tecnologias nas comunidades indígenas às quais os alunos pertencem; pois algumas delas têm acesso à Internet de alta velocidade, já em outras, não existe energia elétrica. Contudo, nas aldeias em que o acesso à Internet é possível, há um acesso frequente das redes sociais e de outros recursos da Web 2.0, principalmente quando os estudantes não estão em Goiânia, nem os professores formadores estão em terras indígenas. A construção social do conhecimento, feita a partir dos conhecimentos tradicionais e universais, ocorre de forma negociada e dialógica, com uso das tecnologias na mediação destes conhecimentos e na ambientação dos espaços sociais de aprendizagem utilizados, criando um contexto favorável à aprendizagem dos estudantes indígenas. Constatou-se que a inserção das TIC no processo formativo implica na inclusão destes recursos como objeto de conhecimento e como ferramenta didática e criam as bases para que o professor indígena possa se apropriar destas tecnologias e usá-las em diferentes contextos na atividade educativa. Estas tecnologias contribuem para a inclusão digital e social das comunidades indígenas às quais os alunos pertencem, pois facilitam a divulgação da cultura destes povos e possibilita que eles estreitem suas relações com o mundo fora de suas aldeias.
Abstract: This research aims to analyze the role of Information and Communication Technologies (ICT) in education provided by the course Intercultural Education of the Federal University of Goiás (UFG) using as investigative tool the case study. The methodology consisted of a documental research and data collection, from individual interviews (audio recorded) based on a semistructured questionnaire, with the coordinator and teachers working full time on the course, and evidences arisen during the research. The analysis was performed based on the Activity Theory (Leontiev) and the social knowledge construction (Vygotsky). This course lasts five years, two of them for basic formation, common to all students and three years of specific formation in one of the three knowledge areas: Language Sciences, Natural Sciences or Culture Sciences. The students enrolled in the course are indigenous from the Araguaia-Tocantins region; most of them school teachers in their villages. The analysis of the data, either collected or emerged during the research process, allows the understanding of the formation for the pedagogical use of ICT, through the development of educational actions and context in which they are established. This formation does not occur in a linear manner, because of the heterogeneity in the access to technologies in the indigenous communities, some of communities have access to high speed Internet, while others have no electricity at all. However, in the indigenous villages where Internet access is available, there is a frequent access to social medias and other Web 2.0 resources, especially when the students are not in Goiânia, nor the professors that are in indigenous lands. The social construction of knowledge made from the traditional and universal knowledge occurs in a negotiated and dialogical manner using technologies in the mediation of this knowledge and in the setting of social learning spaces, creating a favorable learning environment. It was found that the use of ICT in the educational process implies the inclusion of such resources as a knowledge object and as a teaching tool and create the foundation for the indigenous teacher to appropriate these technologies and to use them in different contexts in the educational activity. These technologies contribute to the digital and social inclusion of indigenous communities, as they facilitate the dissemination of their culture and enables them to establish closer relations with the world outside their indigenous villages.
Keywords: Tecnologias na licenciatura intercultural indígena
TIC na formação superior indígena
Educação intercultural indígena e tecnologias
Technologies in indigenous intercultural degree
ICT in Indigenous higher education
Indigenous intercultural education and technologies
???metadata.dc.subject.cnpq???: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: BR
Publisher: Pontifícia Universidade Católica de Goiás
???metadata.dc.publisher.initials???: PUC Goiás
???metadata.dc.publisher.department???: Ciências Humanas
???metadata.dc.publisher.program???: Stricto Sensu - Doutorado em Educação
Citation: ALVES, Lenice Miranda. AS TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO EM LICENCIATURA INTERCULTURAL INDÍGENA: CASO DA UFG.. 2015. 141 f. Tese (Doutorado em Ciências Humanas) - Pontifícia Universidade Católica de Goiás, GOIÂNIA, 2015.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/730
Issue Date: 1-Sep-2015
Appears in Collections:Doutorado em Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
LENICE MIRANDA ALVES.pdf1.36 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.