???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucgoias.edu.br:8080/handle/tede/3416
Tipo do documento: Dissertação
Título: O PROCESSO DE PARENTALIZAÇÃO E SEUS ATUAIS IMPASSES.
Autor: Bandiera, Gisele Teles da Cruz 
Primeiro orientador: Miranda, Fábio Jesus
Primeiro membro da banca: Costa Neto, Sebastião Benício da
Segundo membro da banca: Lemos, Moisés Fernandes
Resumo: Este trabalho objetiva compreender, a partir das manifestações e relatos da experiência parental, a complexidade e a riqueza dos elementos que se conjugam para a construção da parentalidade e os atuais impasses envolvidos nesse processo. Trata-se de uma pesquisa qualitativa, composta de um estudo de caso, que adota a entrevista como instrumento para coleta de dados e a Análise Fenomenológica Interpretativa (AFI) como método para descrever e interpretar o fenômeno da parentalidade. Os resultados obtidos ressaltaram a importância do narcisismo primário, das transmissões psíquicas que perpassam as gerações, e da reminiscência da própria história infantil dos pais. Evidenciou impasses em função da quebra dos paradigmas tradicionais – que assombrou contradições e incertezas – e da lógica individualista e hedonista predominante. Esse contexto provocou reviravoltas profundas na estrutura e no funcionamento familiar, marcadas pela mudança no ideário dos pais e da mulher pós-moderna, pela inversão dos papéis e o consequente desequilíbrio do investimento parental. Por fim, a pesquisa destacou que pais suficientemente bons asseguram um espaço de transcrição e transformação ao seu herdeiro, graças aos seus recursos psíquicos capazes de enfrentar adequadamente às exigências do meio e de se desvencilharem, tanto da repetição compulsória dos desígnios transgeracionais, quanto da ilusória tentativa de recusá-los. Para tanto, conta-se com um processo iniciado em sua tenra infância, na qual, certamente, garantiuse uma assistência materna satisfatória. Caso contrário, ainda lhes resta encontrar, na própria relação vincular com o filho, abrigo para tais reparações.
Abstract: This study aims to understand the complexity and the richness of the elements that come together for the construction of parenthood, from the psychoanalytic theory approach, using the descriptive method of Interpretative Phenomenological Analysis (IPA) and, above all, a case study. The results highlighted the psychic level, the importance of primary narcissism, the psychic transmissions that goes through the generations, and the reminiscence of childhood history of the parents. In a historical, social and cultural level, were evidenced impasses resulting from the breakdown of traditional paradigms – haunting contradictions and uncertainties – and still the individualistic logic and prevailing hedonistic. This context led to profound upheavals in the structure and family functioning, marked by the change in mindset of parents and of the postmodern woman, by the inversion of roles and the consequent imbalance of parental investment. Finally, highlighted that parents sufficiently good ensure a space of transcription and transformation to their heir, thanks to their psychological resources able to face adequately the needs of the environment and pull away themselves both of the compulsory repetition of transgenerational purposes as of the illusory attempt of refuse them. Therefore, it is a process that began in its own early childhood where certainly had been granted a satisfactory maternal care. Otherwise, still remain to parents, to find in the relation with child, a shelter to such repairs.
Palavras-chave: Parentalidade. Narcisismo primário. Transmissões psíquicas. Pósmodernidade.
Parenthood. Primary narcissism. Psychic transmissions. Postmodernity.
Área(s) do CNPq: CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de Goiás
Sigla da instituição: PUC Goiás
Departamento: Escola de Ciências Sociais e Saúde::Curso de Psicologia
Programa: Programa de Pós-Graduação STRICTO SENSU em Psicologia
Citação: Bandiera, Gisele Teles da Cruz. O PROCESSO DE PARENTALIZAÇÃO E SEUS ATUAIS IMPASSES.. 2015. 107 f. Dissertação( Programa de Pós-Graduação STRICTO SENSU em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de Goiás, Goiânia - GO.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/3416
Data de defesa: 25-Mar-2015
Appears in Collections:Mestrado em Psicologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
GISELE TELES DA CRUZ BANDIERA.pdfTexto Completo870,48 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.